Ads Top

Banheiros uma experiência emocionante

Um tal de Luke Barclay que é o escritor e documentarista, viajou os cinco continentes durante dois anos fotografando banheiros para produzir o livro "Loo With a View" que reúne as vistas mais espetaculares deles. Sabendo que uma pessoa passa em média três anos de sua vida no banheiro, Barclay disse "Deveríamos tornar essa experiência a mais emocionante possível".

Photobucket

Tornar emocionante ele diz, isto é porque ele não conhece os banheiros sujos dos botequins de esquina em São Paulo, emocionante é se desvencilhar de ratos e baratas e conseguir não se sujar em "toilets" onde até o porco sentiria repugnância, em alguns lugares ao observar o teto ou paredes você nota um tipo de pintura diferente ou seria uma nova textura, não sei, talvez arremesso de fezes tenha se tornado algum tipo de esporte. São cavidades tão obscuras que nem o truque do surf na privada desentupiria as caixas de porcelanas entulhadas.


Photobucket

Não é a toa que os postes de iluminação e muros, se tornaram tão populares para a opção nº 1, pois usar o banheiro honestamente nunca foi prioridade de todos, tenha certeza que você ainda ira se deparar com as traquinagens maquiavélicas ou situações inusitadas que transforma uma simples visita ao WC em uma aventura:

- Sabemos que os estados físicos da água são 3, e que o estado solido não sai em torneiras para lavar as mãos e mesmo que saísse ela não seria marrom. (Sempre espere a água sair primeiro antes de por as mãos para ter certeza que vai  ser H²O. nunca, eu disse nunca tome água de torneira de banheiro).

- Definitivamente não existe estalactite em banheiros, então nada de ficar embaixo destas formações estranhas uma hora isto cai.

- Se a tampa esta abaixada você tem 99,9% de chance de encontrar um brinde surpresa!

- Não toque em líquidos branco, pois só pode ser de aprendiz de punheteiro ou vestígio do "acho que não engravidei" ou do "acho que era mulher" ou do "acho que sou homem".

- Sempre vai existir um poeta de porta de banheiro com os poemas clássicos como "Pichei e saí correndo. Pau no cú de quem tá lendo" ou ainda os classificados libertinos da Paula tesão ou Marcelinha fogosa, algumas mentes inocentes acreditam que são cafetões que picham mesmo quando existe o banheiro masculino e feminino separados, boa sorte para quem ligar.

- Cuidado garanhão! Não existe loira do banheiro, se ela fez a barba e se depilou arriscar é problema seu.

- Não é zoológico, mas siga a regra "não alimente os animais", a não ser que seja para distraí-los, já que ratos galopam nos dias de hoje. (Façam um favor, parem de jogar anabolizantes no esgoto!)

Viu Luke Barclay, emoção é quando você descobre que não tem papel e vai ter que usar a cueca ou as meias, para finalizar o serviço!

Fonte BBC

Nenhum comentário:

Cada comentário é apreciado, mas tenha em mente que os comentários são moderados e podem levar algum tempo para aparecer. Todos os comentários de spam serão excluídos.

Tecnologia do Blogger.