Ads Top

Mapa mental e sua supervalorização

Depois de falar do google keep e fazer uma pequena critica ao método GTD, agora é hora de falar do uso abusivo do mapa mental.

É muito interessante ver que diversos métodos seguem a mesma cartilha para ser  vendido como a oitava maravilha do mundo. E novamente encontramos inúmeros adeptos com o mesmo discurso e como eles alcançaram o sucesso. Fazendo uma analogia:  você pode reparar que a internet está inundado de blogs sobre marketing digital, com o mesmo layout, métodos e ideias que leram através de algum "livro"  e que agora estão vendendo um outro livro para ensinar tudo para você! Um dia desses publico um outro texto a respeito disso.  De volta aos mapas mentais, a ideia de uso deles esta impregnada em um monte de cursinhos para estudantes, concurseiros ou em livros de autores que montaram os tais cursinhos, palestras ou que vendem aulas como um método infalível.  Isso me faz lembrar dos vendedores ambulante no ônibus, aqueles que vendem os incríveis pacotes de bala, ou aqueles que pedem o dinheiro para o remédio, para voltar para sua terra ou o que seja, todos eles com o mesmo discurso decorado que você vai ouvir ao longo da semana no seu trajeto.


O mapa mental

Sabemos que igualmente como acontece em outras ferramentas de diagramação, mapas mentais podem ser utilizados para visualizar, estruturar e classificar ideias, organizar informações, memorização e aprendizado,  solução de problemas e como ferramenta de brainstorming (tempestade de ideias).

Mapa mental é uma ferramenta que deve servir ao seu criador. Muitas vezes as pessoas perdem a real noção de seu objetivo, enquanto os criam. Gastar tempo demais no seu mapa e não no planejamento e objetivo pratico para o uso dele é uma erro.  Criar um mapa bonito com muitas cores e imagens podem não estar ajudando você em nada, principalmente se ele não foi criado para ser exibido numa galeria de arte ou para compor um livro. Já pensou nisso?

mapa mental

Como fazer um bom uso de mapa mental


Um bom mapa mental deve ter seu prazo de validade e é muito melhor trabalhar em alguns poucos, atualizando e descartando informações. Ao invés de ficar criando dezenas deles.

Você precisa fazer os mapas mentais trabalhar para você e não o contrario. Existem pessoas que criam mapas mentais todos os dias, fazem listas de afazeres neles e planejamentos etc. E acabam não usando ou não conseguindo usar tudo que foi incluído, então todo o esforço empregado foi em vão. Ao manter poucos mapas e atualizá-los você gasta 5 minutos no máximo por dia. A dica não é sobre abolir a criação e sim sobre racionalizar seu uso verificando se é mesmo necessário

Vantagens de usar mapa metal

  • Redução significativa no uso de papel relativo a anotações e material de estudo.

  • Facilidade para reestruturar qualquer grupo de informações interligadas.

  • Facilidade de memorização devido a organização, imagens e ideias essenciais.

  • Visualização de ideias em um contexto mais amplo facilitando a compreensão.

  • Fornecer uma estrutura organizada para integração de novos conhecimentos.

O que deve ser evitado no mapa mental

  • Focar somente no mapa e esquecer o conteúdo.

  • Criar mapas muito grandes, poluídos e de difícil compreensão.

  • Incluir muitos ramos tornando ele ilegível.

  • Informação desorganizada e temas errados.

O mapa serviu seu proposito ele não é mais útil, descarte! O mesmo serve para mapas de baixa qualidade e que não estão funcionando, se não pode ser corrigido. Não perca tempo mande para o lixo.

Programas para criar mapas mentais

Dizem que os melhores mapas mentais são criados manualmente, isso é de praxe né? é o mesmo que falam sobre todas as coisas feitas com as próprias mãos. Mas, se você quer outro jeito existem inúmeros programas para fazer isso digitalmente. Aqui listo 2 de código aberto que são muito bons.

Freemind é um aplicativo multiplataforma. Possui ramos retráteis e expansíveis e hiperlinks e é muito fácil de organizar e conectar ideias.

Xmind é uma ferramenta muito útil para compreender realmente o seu pensamento e gerir ideias. Você pode usar essa ferramenta para exportar o seu mapa mental para muitos formatos, incluindo TXT, PDF e HTML. Possui versão gratuita e paga.

Eu utilizo a versão grátis do Xmind, mesmo ela sendo limitada me atende muito bem.

Conclusão

Não estou dizendo que o mapa mental não possa servir de apoio para inúmeras tarefas,  ele foi concebido para facilitar a organização de informações complexas, mas não da maneira que andam vendendo ele para tudo e para todos. Espero que tenha ficado claro.

Nenhum comentário:

Cada comentário é apreciado, mas tenha em mente que os comentários são moderados e podem levar algum tempo para aparecer. Todos os comentários de spam serão excluídos.

Tecnologia do Blogger.